Livros, câmera, ação - Sébastien Japrisot

Nossa coluna "Livros, câmera, ação" deste mês te levará para 1917, quando a Primeira Guerra Mundial estava mais mortal do que nunca, colocando à prova o poder de um jovem amor entre o caos que regia o momento. 

Un Long Dimanche de Fiançailles é um dos romances mais conhecidos de Sébastien Japrisot. Lançado pela primeira vez em 1991, o livro conta a história de amor entre Mathilde e Manech. Após ser enviado para a linha de combate, Manech e quatro amigos foram condenados à morte pelo Conselho de Guerra. Os cinco jovens são jogados na neve da Picardia, em pleno inverno, nas trincheiras inimigas, para que sejam mortos. Eles tentarão sobreviver a este cruel destino. 

Enquanto isso, do outro lado da França, Mathilde buscará desvendar os mistérios sobre o que de fato ocorreu a seu noivo, o jovem Manech. Lutando contra tudo e contra todos, ela sacrificará seus dias na busca incessante da verdade. Descobrimos neste livro uma Mathilde por vezes cativante, frágil, mas também destemida, o que lhe renderá um papel inegável entre as heroínas mais memoráveis do universo romântico francês.

Ganhador do Prix Interallié 1991, o romance foi adaptado para as telas do cinema em 2004, trazendo grandes nomes como Audrey Tautou e Marion Cottiliard em seu elenco, conquistando fãs em todo o mundo e também muitos prêmios (César de Melhor Atriz Coadjuvante/ Melhor Ator Revelação/ Melhor Fotografia/ Melhor Direção de Arte, dentre outros).

Un Long Dimanche de Fiançailles: tanto o livro (nível B2) quanto o DVD (categoria Drama) estão disponíveis para empréstimo na midiateca e nas Bibliothèques de l’apprenant! Se preferir, leia o livro diretamente do seu celular, tablet ou computador através da Culturethèque!  

Sinopse - DVD
Após o término da 1ª Guerra Mundial, a jovem Mathilde (Audrey Tautou) aguarda notícias sobre Maneth (Gaspard Ulliel), seu noivo. Mathilde fica sabendo que Maneth fez parte de um grupo de cinco soldados que, individualmente, provocaram sua própria mutilação, para que deixassem a frente de batalha da guerra. Os cinco são condenados à morte pela Corte Marcial e, após serem levados a uma trincheira francesa, são deixados à morte no território existente entre o local em que estavam e a trincheira alemã. Apesar de todos serem considerados mortos pelo exército francês, Mathilde acredita que Maneth está vivo e inicia, por conta própria, uma busca por pistas que confirmem isto.
(Fonte: AdoroCinema)